domingo, 23 de março de 2014

[RESENHA]Extraordinário - R.J. Palacio


Título: Extraordinário
Autor(a): R.J. Palacio
Editora: Intrínseca
Páginas: 320
Ano: 2013


Sinopse: August Pullman, o Auggie, nasceu com uma síndrome genética cuja sequela é uma severa deformidade facial, que lhe impôs diversas cirurgias e complicações médicas. Por isso ele nunca frequentou uma escola de verdade... até agora. Todo mundo sabe que é difícil ser um aluno novo, mais ainda quando se tem um rosto tão diferente. Prestes a começar o quinto ano em um colégio particular de Nova York, Auggie tem uma missão nada fácil pela frente: convencer os colegas de que, apesar da aparência incomum, ele é um menino igual a todos os outros.


Narrado da perspectiva de Auggie e também de seus familiares e amigos, com momentos comoventes e outros descontraídos, Extraordinário consegue captar o impacto que um menino pode causar na vida e no comportamento de todos, família, amigos e comunidade - um impacto forte, comovente e, sem dúvida nenhuma, extraordinariamente positivo, que vai tocar todo tipo de leitor.



August sempre estudou em casa e não teve que conviver com tantas crianças ao seu redor durante a sua infância até ele chegar no 5º ano e seus pais acharem que ele deve ir para a escola, mas deixa a escolha em suas mãos. Tudo bem, ele vai começar a estudar em uma escola normal só quando tem 10 anos, mas isso até que seria fácil, se não fosse o problema genético que deixou seu rosto deformado, e que faz com que as pessoas o julguem e/ou sintam medo.
O diretor do colégio é muito legal, queria que ele fosse o diretor da minha escola, e pede para alguns alunos mostrarem ao August a escola e serem seus amigos, e um realmente se torna amigo dele de verdade, um dos outros se torna um 'inimigo' e a outra pode ser considerada uma neutra.
Muitas coisas acontecem durante esse ano, e a maioria dos personagens amadurecem, tanto o August, os seus amigos da escola, os pais e a irmã super protetores e muitos outros personagens.
Realmente o livro é extraordinário, me fez pensar em como uma pessoa com algum problema se sente, e os parentes e amigos mostram a historia dele de um ponto de vista muito interessante. A Via, que apesar de se sentir em segundo plano continua a amar o irmão. A Summer, que pra mim foi a personagem mais interessante, que tentou ser amigo dele logo que ele chegou no colégio e até deixou de lado chance que tantos outras pessoas da escola não perderiam por nada para poder continuar a andar com o August. Jack que mostra a dificuldade que ele sofre por conviver com o "garoto deficiente".
Tem muitas outras coisas que gostaria de falar aqui, mas por não poder contar todo o livro vou deixar pra lá. Mas para terminar tenho que dizer que esse livro é um daqueles livros que faz com que o leitor fique comovido com a historia e fica lendo sem parar ate ele acabar.

8 comentários:

  1. Esse é um dos livros da intrínseca que eu tenho paquerado. Uma coisa que eu acho interessante dessa história é que não tem como maquiar: é um menino com uma deformidade no rosto! E, cá entre nós, quem nunca se sentiu mal perto de alguém com uma deformidade facial? Por mais que tentemos ser racionais, humanos e sensíveis, normalmente o primeiro impacto de uma deficiência dessas é afastar quem a vê. Quem sofre de algo assim deve se sentir muito solitário e rejeitado. Deve ser realmente uma leitura emocionante, principalmente se o autor tiver conseguido passar com sucesso a visão do mundo de um garoto de 10 anos de idade.

    Quem sabe no próximo mês, se a grana permitir, ele não passa a figurar na minha estante também. =)

    Ótima resenha.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Realmente o que mais acontece é nos afastarmos, como acontece com a maioria das pessoas da escola do August, e pelo menos pra mim a escritora soube passar sim a visão da criança e das pessoas proximas.
      Espero que consiga sim comprar o livro, não irá se arrepender.
      Obrigado :)

      Excluir
  2. Vi esse livro e fiquei entre o compro... Não compro... Vi ele na Leitura e fiquei encantada com a capa, mas as vendedoras ficaram me irritando e não comprei. Resolvi ler sobre ele primeiro! A resenha me deixou curiosa! kkk Já voltei a postar no blog.

    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O livro é muito bom, a capa é muito bonita mesmo, tanto essa como a branca.
      Me conta se decidir comprar e depois quero ler a resenha kkk
      Indo visitar o blog :)
      Beijo

      Excluir
  3. Extraordinário é muito amor <3
    Gostei muito do livro, e acho que todos os leitores deveriam ler rs
    Beijos
    http://aculpaedosleitores.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Esse livro devia ser distribuído em todas as escolas do mundo, sério. Nunca vi história mais simples, delicada e transformadora como esta! E adorei a resenha, realmente é difícil se conter para não sair falando tudo do livro! ^^
    Beijos!

    www.bibliophiliarium.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que façam as suas palavras minhas, serio muito bom mesmo que Extraordinário passasse a ser encontrado em todas as escolas, muita coisa iria mudar.
      Obrigado, que bom que gostou, ainda to achando que poderia ter contado mais algumas coisas

      Excluir

Tecnologia do Blogger.

Os Jovens Leitores Copyright © 2015 - Design por Camila Solli.